Rolê pela web

04jun07

Nessa de falta de assunto, excluído o assunto deprimente de que o pessoal em quem eu voto apóia o Chávez, fui dar uma browseada velho estilo, procurando uma coisa no Google, seguindo um link na página encontrada, depois outro, e por aí vai.

Nessas, procurando posts sobre a Venezuela, descobri o tal do Hermenautas, onde achei o site sobre quanto vale cada blog (ver abaixo), e essa nova paradinha maneiríssima que vocês vão ver assim que passarem o mouse em cima de qualquer link aqui no blog. Também descobri outro coletivo de blogs (um fenômeno interessante, que, tanto quanto eu sei, começou com o Wunderblogs), meio literário-pessoais, o Breviário. Escolhi um dos sites para ler, o Sententia, onde fui remetido a outro coletivo, o Apostos (com alguns blogs que já conhecia, em geral da turma mais à direita), meio chato, por isso voltei para o Hermenautas e vi menção a dois blogs que não conhecia, mas que parecem valer um dinheirão: o Pensar Enlouquece, de um sujeito chamado Inagaki, que não consigui carregar por algum motivo, e O Biscoito Fino e a Massa, de um professor de português brasileiro nos EUA, que parece bem bacana (e, aparentemente já é famoso para todo mundo menos eu), mas me deprimiu por ter algo em torno de 100 vezes nossa audiência média diária (isso apesar de nossas atrações de grande apelo, como o Fichamento On-Line e a foto do Chávez fazendo cafuné no Mugabe). Seguindo os links desse último, achei o espetacularmente batizado Ao Mirante, Nelson! Entrando pelo link do Nelson, acabei conseguindo carregar o Pensar Enlouquece, que aliás se chama Pensar Enlouquece, Pense nisso. E eis que, seguindo um dos links, acabei encontrando um cara que conheço, o Alexandre Matias, que na minha época da UNICAMP fazia um jornalzinho bacana, O Leopoldo, e era um sujeito engraçado. No Pensar Enlouquece tem também uma lista de sites favoritos do autor, que parecem no mínimo curiosos. E o link para o blog de um cara chamado Rafael Galvão, que, penso eu, tem a melhor foto de autor que eu vi em muito tempo.

Quanto tempo levou pra fazer isso? Vinte minutos antes do almoço e vinte minutos depois.

PS: gostaria de saber se ficou difícil carregar o blog depois que eu adicionei a paradinha bacana que mostra os links. Que cês acham?

Anúncios


No Responses Yet to “Rolê pela web”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: